Notícias da Softsul

15 maio 2020
Comments are off

SOFTSUL executa seu Plano de Ações para enfrentamento à pandemia

A SOFTSUL está executando o Plano de Ações Emergencial criado pelo seu Conselho Empresarial no mês de março de 2020 para enfrentamento à crise econômica resultante da pandemia. O Plano prevê ações voltadas à preservação do emprego e dos negócios. As ações foram agrupadas em quatro eixos principais (Financeiro, Tributário, Trabalhista e Mercado) sendo a estratégia para sua implementação a troca de ideias, intercâmbio de informações e a colaboração entre as empresas associadas.

No eixo Financeiro, entre outras ações, a SOFTSUL ampliou sua articulação junto às agências e bancos de fomento, principalmente, junto ao BADESUL, BRDE, BNDES, FINEP e SICREDI, apoiando seis de suas empresas filiadas para beneficiarem-se das carências intermediárias, ou seja, a suspensão temporária por até seis meses, dos pagamentos das parcelas dos contratos de financiamentos em andamento. Além disso, outra pauta junto às instituições financeiras foi discutir a obtenção de taxas de juros mais atrativas, abrandamento dos critérios adotados na análise de crédito das empresas, ampliação do acesso aos fundos garantidores e, em especial, a flexibilização na composição de garantias reais.

O conselheiro André Boger, da filiada Conectt, se incumbiu das ações junto ao SICREDI e, relata que a linha de financiamento mais atrativa existente é o Capital de Giro BNDES, que pode também ser obtido via outros operadores financeiros. Esta linha tem as seguintes condições atualmente: Taxa 8,58% + IPCA (3,04% atual) + Encargos = 12.08% aa / até 6 meses carência / Prazo: 12 a 60 meses. Boger também informou que passou o contato do Sicredi a dois conselheiros da SOFTSUL e que o Sicredi está a disposição para atendê-los, no entanto o processo de avaliação das empresas tem sido bem lento.

No eixo Trabalhista, os esforços foram voltados para melhor orientar sobre os aspectos referentes às relações trabalhistas, em especial aos temas cobertos pelas Medidas Provisórias 927 e 936 com o suporte jurídico da filiada parceira Scalzilli-Althaus, que ofereceu consultorias jurídicas às empresas no âmbito do acordo de colaboração com a SOFTSUL e preparou uma publicação com informes detalhados. A publicação pode ser acessada AQUI.

Ainda neste eixo, por iniciativa do conselheiro Eduardo Peres da empresa filiada DB Server, a SOFTSUL criou um banco de realocação de profissionais que estejam em fase de desligamento de uma empresa, permitindo sua absorção imediata por outra empresa que o necessite, antes mesmo que este profissional retorne ao mercado de trabalho.

O conselheiro Eduardo Peres reforça a importância das empresas não demitirem neste momento, mas nos casos em que esta alternativa seja o único caminho o banco de realocação de profissionais da SOFTSUL cria uma rede de acolhimento importante para a preservação dos empregos.

As demandas relacionadas ao eixo Tributário foram também suportadas pelo Scalzilli-Althaus e, tratadas, caso a caso.

O eixo Mercado, com ações ainda em estruturação, trouxe conhecimentos por meio de eventos virtuais, sobre oportunidades tanto no mercado interno, quanto no externo. Entre as próximas ações estão previstos o lançamento de um desafio para apresentação de ideias voltadas ao novo perfil do consumidor, pós pandemia, um programa de mentoring e master mind que orientará as empresas na repaginação de seus negócios e um programa de apoio a implementação do marketing digital e de canais digitais.

O presidente do Conselho de Administração da SOFTSUL, Alfredo Bandeira Bohn, da empresa filiada L2 Sistemas e o Diretor Presidente da entidade, José Antônio Antonioni incentivam as empresas filiadas a colaborarem com sugestões de ações que possam contribuir para a superação da crise, propondo novas formas de trabalho e de negócios, assim como de ações colaborativas para beneficiar a todos.

As sugestões podem ser enviadas para: softsul@softsul.org.br