Notícias da Softsul

13 dez 2018
Comments are off

#acompanhE! SOFTSUL debate a Nova Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais

A Nova Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais começa a vigorar no Brasil a partir de 2020. Ela cria uma regulamentação para uso, proteção e transferência, nos âmbitos privado e público, e estabelece de modo claro quem são as figuras envolvidas e quais suas atribuições, responsabilidades e as penalidades, que podem chegar a multas de 50 milhões de reais. Com as mudanças na legislação, as organizações públicas e privadas só poderão coletar dados pessoais com consentimento do titular ou dos responsáveis (em caso de o titular ser menor de idade).

Para tratar do assunto, a Associação Sul-Riograndense de Apoio ao Desenvolvimento de Software (SOFTSUL) promoveu no dia 6 de dezembro, na Arena UMov.me, a última edição de 2018 do #acompanhE!. O evento teve como painelistas Rodrigo Azevedo, advogado da Silveiro Advogado; Marcel Ghiraldini, da Math Marketing; Éber Gustavo da Silva, da IBM Watson Customer Engagement  e Juliana Stenzel, da Zertificon, com sede em Berlim, Alemanha.

Rodrigo Azevedo destacou em sua apresentação que qualquer tipo de negócio precisa de dados para ter sucesso. “As empresas ainda não se deram conta do quanto o assunto impacta na vida das pessoas e na delas. O maior ativo que uma organização possui é a sua base de dados. Este é um tema em total aquecimento no mercado”, afirmou. Ele ainda contou sobre as dinâmicas e as novas recomendações em relação ao mapeamento, classificação e privacidade para o enquadramento dentro da Lei.

Em sequência, Marcel Ghiraldini citou a importância do tratamento dos dados. “Em estado bruto, um dado não vale para nada. E a nova lei serve justamente para isso, para auxiliar as empresas na missão de gerar maior valor a ele e dar para as pessoas um livre acesso à informação”, afirmou.

Éber Gustavo da Silva falou em sua apresentação sobre o Universal Behavior Exchange, tecnologia que permite combinar dados gerados a partir de soluções integradas de ecossistema IBM e parceiros. A solução busca obter uma visão mais completa do comportamento dos clientes para poder agir rapidamente criando mensagens personalizadas para melhorar o engajamento. Éber ainda abordou assuntos como a venda de bases de dados e empresas que utilizam isso para anúncios e marketing de produtos.

A reta final do encontro foi comandada por Juliana Stenzel, da Zertificon. Ela apresentou formas de evitar vazamentos de dados através do envio de e-mails criptografados e assinados eletronicamente para determinados endereços eletrônicos, exemplificando os casos ocorridos na Europa. As atividades foram encerradas com um debate, onde o público presente teve questões respondidas pelos palestrantes. A mediação foi feita pelo presidente da SOFTSUL, José Antonio Antonioni.

O #acompanhE trata de assuntos atuais e relevantes para o desenvolvimento do mundo dos negócios, incluindo inovações. Esta foi a última edição em 2018 do evento, que segue no portfólio da SOFTSUL para 2019.